Igor Soares acompanha início das obras do viaduto Ameríndia

O prefeito de Itapevi, Igor Soares, acompanhou nesta terça-feira (1) o início dos trabalhos de içamento e instalação das vigas do Viaduto Ameríndia, que ligará o bairro de Engenheiro Cardoso ao Jardim Vitápolis. As obras fazem parte do trecho Itapevi-Jandira do Corredor Metropolitano Itapevi-São Paulo (Oeste) e são realizadas pela EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos de São Paulo S.A.) e a construtora Enpavi.

“É o início de uma obra muito aguardada que, em breve, beneficiará milhares de moradores de Itapevi. É o primeiro trecho do Corredor Oeste. Pedimos a retomada e agora fiscalizaremos o andamento das obras”, afirmou o prefeito em visita ao local.

O Viaduto Ameríndia tem 330 metros de extensão e 16 metros de largura. É construído em estrutura de concreto pré-moldado sobre a linha férrea, próxima à Estação Engenheiro Cardoso da linha 8 da CPTM. Ao todo, serão colocadas 54 vigas. São mais de 100 operários envolvidos nesta etapa da obra em função da intensa movimentação de veículos, máquinas e equipamentos pesados.

“A obra ajudará a melhorar o trânsito em Itapevi”, disse Igor, acompanhado do diretor-presidente da EMTU, Joaquim Lopes da Silva Júnior, de técnicos e engenheiros da Enpavi e do deputado estadual João Caramez (PSDB). 

De acordo com a EMTU, as obras do Viaduto Ameríndia devem ser concluídas ainda em dezembro deste ano. O equipamento representa um investimento de R$ 17,8 milhões feito pelo Governo do Estado de São Paulo.

Equipes de segurança do trabalho sinalizaram e isolaram a área para que pedestres não acessem os locais com risco de acidentes. A EMTU e a Enpavi também estão solicitando às famílias que moram na região que evitem que as crianças brinquem próximas ao trecho em obra.

Além do viaduto, uma passarela será construída entre as ruas Atlanta e Rosângela Maria Lima com rampas e escadas, atendendo às exigências de acessibilidade para as pessoas com deficiência e mobilidade reduzida. Ela substituirá a passagem de pedestres, proporcionando mais segurança para quem circula a pé pela região.

A passarela deve ser entregue no mesmo período de conclusão total do trecho Itapevi-Jandira do Corredor Oeste, em março de 2018. 

Corredor Oeste

Com 5km de extensão, as obras do trecho Itapevi-Jandira do Corredor Oeste estão estimadas em R$ 52 milhões. Quando concluída em sua totalidade, a via ligará Itapevi à capital paulista, passando por Jandira, Carapicuíba e Osasco, num trajeto de cerca de 20 quilômetros.

Mais informações sobre as obras podem ser obtidas pela Central de Relacionamento com a Comunidade pelos telefones (11) 4321-5510 ou (11) 98395-8005. O e-mail para contato é corredor.oeste@communita.com.br e a fanpage facebook.com.br/comunicacao.corredor.oeste/.

Relacionados